A ideia de escrever este blog surgiu depois de ter abandonado o Porto e ter vindo para Dublin... Como sou mais um licenciado tuga a trabalhar fora de Portugal, quero relatar aqui a minha experiencia por estas terras Celtas... Tendo em conta que já somos muitos por essa Europa fora, criem o "Tuga em Amsterdao", o "Tuga em Madrid", o "Tuga em Paris", o "Tuga no Luxemburgo", o "Tuga em Genebra", o "Tuga em ......"

Friday, March 21, 2008

St. Patrick's Day. Nota mental: proximo ano ir para outra cidade




Mais uma vez passaram mais de dois meses desde que actualizei o blog pela ultima vez...
Mas lá está a ultima coisa que me apetece fazer quando chego a casa depois do trabalho é olhar para o computador... É que depois de 8 horas frente a um monitor nao há pachorra para mais... Lá diz o povão "casa de ferreiro, espeto de pau"...
Mas a razao deste post prende-se com o dia de St. Patrick.
O S. Patrício é o santo padroeiro da Irlanda, portanto por aqui esta altura é muito semelhante ao dia de S. João no Porto. Alias o dia não é só festejado por aqui. Em New York as celebrações são bem mais de arromba, pois há mais irlandeses em N.Y. que em Dublin (lol).
Apesar de este ser o meu primeiro dia de St. Patrick senti-me defraudado.
Primeiro esperava ver o rio Liffey tingido de verde como acontece com o rio Hudson em N.Y. e tal não aconteceu.
Segundo a cidade estava a abarrotar pelas costuras com tanta gente pelo que passei mais tempo á procura de um lugar de onde pudesse observar decentemente o St. Patrick´s Parade (ou Cortejo do S. Patricio) do que a assistir ao cortejo propriamente dito. Não percebo porque tantos turistas vieram de proposito para o desfile, será que eles já ouviram falar no Carnaval do Rio ou de S. Salvador da Baia? Se vieram pelo espirito irish então deviam ter ido para N.Y. e tirar partido do valor baixissimo do dolar, pois como já disse há lá mais irlandeses do que aqui em Dublin.
Um jornal gratuito noticiou que mais de 600 000 pessoas assistiram ao desfile. Não sei como chegaram a esse numero mas era penoso circular nas ruas por onde o cortejo passou. Primeiro não só tinha que me desviar das inumeras formigas que populavam as ruas como evitar as poças de excreções gregorianas fruto dos excessos etílicos próprios destas alturas festivas (não estivesse eu na Irlanda.. eh eh eh).
Esse mesmo jornal gratuito chamado METRO (que original) publicou os resultados de um inquerito onde dizia que 60% das pessoas achavam que o dia de St. Patrick era apenas uma desculpa para beber muito e muito depressa. Portanto nao admira que por volta das 10AM já só se viam sorrisos de orelha a orelha e andares esgaseados em super slow motion. Além disso houve uns putos de 10 anos que com ainda algum sangue no alcool decidiram celebrar o St. Patrick á maneira deles tombando alguns postes e incendiando alguns carros... (sim 10 anos...nao é um typo).
Acho que o governo irlandes devia pensar em medidas para combater o problema da violencia infantil e uma das medidas devia passar pela censura de serviços noticiosos sobre a França, pois estes têm uma má influência nos cachopos.
A proposito de governo irlandes parece que o primeiro ministro está em maus lençois com o fisco tendo já comparecido em tribunal para justificar donde vieram certos rendimentos (ou luvas)... Estou a tentar imaginar um cenario semelhante num tribunal portugues mas com o Cavaco, o Soares, o Guterres, o Sócrates, o Santana ou o Barroso sentado no banco dos reus... Acho que isso nao acontecerá no meu tempo... Visto que nem no Paulo Portas tocam....
Voltando ao desfile, houve alguns pontos altos. Foi divertido ver as jeitosas irlandesas (vulgo ogrezinhas) de presunto ao leu e com os pneus a pender das cintas das saias. Relamente há coisas que um gajo prefere nao ver. É nestas alturas que a nostalgia nos invade e ficamos saudosos das brasileiras. E se por uns momentos este pensamento me acorreu, as minhas preces foram ouvidas pois alguns carros alegoricos depois apareceu uma escola de Samba. Ainda bem que Dublin se está a tornar multi cultural, pois a "fauna local" deixa muito a desejar.
O colorido do desfile constratava com as ruas todas num monocromático verde vivo com muitos dos curiosos ostentando chapeus vikings com tranças, chapeus de leprechaun e uns calções em forma de nádegas sendo numa das nádegas ostentada a frase "Póg Mo Thón". Para os mais desatentos esta é a expressao gaélica mais famosa que quer dizer "Kiss My Ass" ou "Kiss Mee Arse" com sotaque mais irish...
NOTA MENTAL: no proximo ano, apos aprender com o erro deste ano, ir passar o St. Patrick's day numa cidadezinha mais pequena, talvez no Oeste da Irlanda.
Bem mas chega de devaneios que se faz tarde, deixo-vos com algumas fotos da parade e mais tarde hei-de fazer um best of das fotos da Irlanda... Por falar nisso devia colocar no olhares fotos dos paises que já tiveram o privilégio de contar com a minha presença (lol).

Cheers Mates!














7 comments:

tatoia said...

:) Não comemorei grande coisa... mas já actualizavas o blog já... lol

Romana said...

Olá! Tens um blog mt fixe. Está escrito com muito humor e relata muito bem a Irlanda e os irlandeses. Também tenho um blog (http://thepimbas.blogspot.com/)que fala de tudo um pouco e nesse tudo e pouco... falamos (pois...não é só meu) também sobre a experiência na Irlanda. Gostaríamos de por o link ao teu blog no nosso. Que dizes? Romana

Fátima said...
This comment has been removed by the author.
Fátima said...

Olá!!!!!!
Adorei estas tuas aventuras por Dublin.
Sou residente em Dublin a cerca de 1 mês e ainda me faltam ver muitas
coisas.
Tudo o que relatas da vida em geral dos Irlandeses, já deu para notar........
Apesar de ser Portuguesa, vivi em Barcelona durante cerca de 2 anos e meio.
Os espanhois sao diferentes, talvez mais civicos,igualmente boas pessoas, vivem com um pouco mais de strees e tambem sao bastantes festiveiros.......
Já tinha ouvido falar desse famoso dia, porque o meu marido já vivia cá anteriormente, ainda bem que li este teu post, porque como tenho 2 miudas pequenas, é um alerta pra nunca lá meter os pés lol...

Resta-me deixar os votos sinceros de que tudo te corra pelo melhor.

cipereira said...

Oi! Eu sou uma tuga em Zurique!!! Gostei de encontrar o teu blogue, pois é sempre um sentimento reconfortante ver que não estamos sós nisto de ir para fora do país...

Desejo-te boa sorte ai pelas Irlandas.

Serafim Teixeira said...

Boa tarde,


Chamo-me Serafim Teixeira, sou português, tenho 38 anos de idade e sou empregado bancário.
Tenho como hobbie a colecção de bilhetes e como tenho dificuldades em arranjar para a minha colecção bilhetes dos outros países venho por este meio pedir a vossa ajuda através do vosso site para apelar a todos os portugueses e não só, que tenham ido ver alguns jogos de futebol e não queiram os bilhetes, o favor de não os deitarem os fora.
Deixo o meu e-mail : serafimteixeira@gmail.com
e a morada:
Serafim Teixeira
Rua Raul Pereira Sousa 5 - 2 FTE
Feijo 2810-398 Almada
Portugal

Muito obrigado pela ajuda.
Cumprimentos
Serafim Teixeira

Dieta Saudável said...

Olá!

Sou uma "ex" tuga em Dublin.
Diverti-me ao ler este post. Relembrei-me de mta coisa (desgraças tb coisas boas) que vivi em Dublin.

O tempo que aí estive, estava desejosa por voltar às origens... Agora que voltei (há 3 anos) estou cheia de saudades da Irlanda. É um País lindo! Pena as grandes cidades serem assim, tão "limpinhas"...

Boa sorte por aí!